Falta de energia interrompe a sessão na Câmara e prejudica comerciantes

Antônio Boaventura

[email protected]

Um acidente envolvendo um caminhão na avenida Paulo Faccini, na região central, provocou o encerramento da sessão legislativa desta terça-feira (24) na Câmara Municipal. Irritado, o vereador João Dárcio (Podemos) cogitou a abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar a qualidade do atendimento da EDP, concessionária responsável pelo abastecimento de energia elétrica no município.

“A falta de energia afeta a nossa vida. Tive uma reunião com a EDP e nós discutimos a falta de capacidade de atendimento da empresa em nossa cidade. Eu sugiro que possamos abrir uma CPI para investigar esta situação”, declarou o parlamentar.

A pauta de trabalho no plenário previa a discussão de temas como a disciplina do processo administrativo do município, compensação de créditos tributários da cidade com o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) e a regularização dos cemitérios, crematórios, salas de velórios, da execução dos serviços cemiterial, funerário e de conservação de corpos.

Além de prejudicar os trabalhos do r Legislativo, a queda de energia também trouxe impactos negativos para os comerciantes da região. “Ficamos sem energia por mais de 1 hora. A loja funciona através de sistema, telefone, computador e máquinas de cartão, Isso também prejudicou o atendimento, principalmente na circulação dos funcionários no estoque”, disse auxiliar de escritório da loja Kata Lata, Vanessa Alves.

Foto: Ivanildo Porto