Prefeitura remove barracos em área de interesse ambiental no Bambi

A Secretaria de Meio Ambiente de Guarulhos (Sema), em conjunto com o Departamento de Acompanhamento e Controle de Ocupações Irregulares (Dacoi) da Secretaria de Justiça, removeu cerca de 70 barracos de madeira em um terreno particular localizado na rua Brinco de Princesa, no Residencial Bambi. A ação ocorreu na manhã desta terça-feira (1º) e contou com apoio da Proguaru e da Inspetoria Ambiental da Guarda Civil Municipal.

O proprietário da área particular demais de 5 mil m² foi notificado pela Secretaria de Justiça em 30 de julho para que tomasse providências quanto à desocupação e remoção das ocupações irregulares. No local estava ocorrendo o desmatamento ilegal e a queima da vegetação. Decorrido o prazo, como não houve manifestação por conta do dono da área, a Prefeitura foi até o local para o desfazimento dos barracos não habitados.

A administração municipal esclarece que o proprietário da área arcará com todas as despesas da ação de desocupação, além de ter que remover todos os entulhos e resíduos em oito dias, caso contrário terá que responder judicialmente por crime ambiental. Ele também será responsabilizado por não zelar pelo terreno de sua propriedade.

Outro flagrante

Durante o deslocamento das equipes do Departamento de Fiscalização da Sema foi flagrado outro desmatamento ilegal na região, na estrada Acácio Antônio Batista. As pessoas que estavam no local alegaram que os cortes das árvores foram realizados pela fornecedora de energia elétrica, que possui torres de distribuição de alta tensão no local. Diante disso, eles terão dez dias para reunir provas de que não realizaram os cortes das árvores, caso contrário responderão por crime ambiental.