Sindicalismo: Josinaldo Barros, o Cabeça, substitui José Pereira na presidência do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região

Da Redação
[email protected]

A eleição atípica, em meio à pandemia do novo Coronavírus e com forte desemprego no setor, superou o quórum estatutário da entidade. Nas fábricas nas quais as urnas passaram, os sindicalizados votaram em peso. O futuro presidente do Sindicato é Josinaldo José de Barros (Cabeça), atual vice.

“O Plano de Trabalho da chapa eleita se apoia no tripé emprego, renda e direitos. Vamos atuar firmes nesses objetivos. Agradeço cada voto. Cada voto será honrado com muito trabalho e luta”, afirmou.

José Pereira dos Santos, atual presidente, seguirá na diretoria efetiva. “Essa eleição reafirma a tradição de unidade e continuidade dos 57 anos do nosso Sindicato. Mas é continuidade com mudanças, pra buscar avanços e evolução. Confio muito nesse grupo”, avaliou Pereira.

Força – Coordenado pela Federação da categoria, o processo eleitoral reuniu as principais lideranças ligadas à Força Sindical. Outros sindicalistas, de categorias variadas, também compareceram. “A classe trabalhadora vive momentos de angústia com muito desemprego e ataques a direitos. Mas os trabalhadores sabem resistir. A Força conta com o Sindicato de Guarulhos, como sempre contou”, disse Miguel Torres, presidente da Força.

Federação – Para Eliseu Silva Costa, presidente da Federação da categoria, a tradição de unidade foi reafirmada nas urnas. “Nunca vi uma crise como essa. As direções sindicais têm enorme responsabilidade em defender suas bases e orientar os trabalhadores. Nossa unidade persiste e será vital”, encerrou.