Memorial da América Latina promove encontro sobre a Guatemala

O último encontro do curso de extensão universitária Realidade Latino-Americana On-line, uma parceria entre o Memorial da América Latina e a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), acontece no dia 7 de novembro e será sobre a Guatemala.

Com o tema “Guatemala: povos, patrões e memórias sangrentas de afãs revolucionários”, a aula será ministrada pelo professor Dr. Edgar Esquit, do Instituto de Estudios Interétnicos y de los Pueblos Indígenas, da Universidade de San Carlos (Guatemala) e por Ana Clarice Mendonça Oliveira, professora da Universidade Estadual do Ceará. A aula on-line será das 14h às 17h, por meio da plataforma virtual Google Meet.

O tema dessa edição do projeto foi a América Central, com foco na Nicarágua, Honduras e Guatemala. A escolha destes três países foi baseada na realidade política da região, que revela um quadro complementar e bastante rico para compreender a geopolítica dessa área. O debate sobre a Nicarágua aconteceu no mês de setembro e, em outubro, sobre Honduras.

A compreensão dos laços entre o sandinismo histórico e o orteguismo na Nicarágua, o papel de Honduras na estratégia de contra-revolução preventiva da região e a história das mobilizações populares da Guatemala são os pontos de análise para se compreender a dinâmica histórica da América Central.

Para participar, basta acessar o link: https://meet.google.com/mch-mroi-iyg

Sobre o Projeto

O programa Realidade Latino-Americana é um projeto de extensão universitária e acontece desde 2014. Propõe ser um espaço de discussão sobre a história e as questões contemporâneas da América Latina, por meio de debates com professores de diversas universidades latino-americanas sobre os países da região.

O projeto possui três etapas: 1) formação, 2) viagem de pesquisa coletiva e 3) organização e difusão de resultados. A etapa de formação tem o objetivo de, ao mesmo tempo, realizar os estudos sobre a realidade dos países estudados pelo projeto e de constituir um grupo de pessoas que irá elaborar uma agenda de investigação coletiva para as etapas seguintes. Inicialmente, os encontros de formação têm frequência mensal e são constituídos por exposições e debates sobre o conteúdo apresentado durante as palestras. Com a aproximação da viagem de pesquisa, as atividades de formação passam a ter uma frequência de dois encontros por mês e são realizadas atividades sem palestrantes, em que o foco será a discussão dos principais interesses de aprofundamento de pesquisa, com o objetivo de preparação da agenda da viagem, prevista para a metade de 2021. A etapa final está prevista para ocorrer durante o segundo semestre de 2021 e primeiro de 2022, com a função de expor os resultados descobertos ao longo do processo de investigação sobre a realidade política, econômica e social da região da América Central.

O programa é uma parceria entre o Memorial da América Latina e a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Serviço:
Programa Realidade Latino-Americana
“Guatemala: povos, patrões e memórias sangrentas de afãs revolucionários”
Palestrantes: Edgar Esquit (Universidade de San Carlos-Guatemala) e Ana Clarice Mendonça Oliveira (Universidade Estadual do Ceará)
Data: 7 de novembro, das 14h às 17h
Encontro remoto pelo Google Meet: https://meet.google.com/mch-mroi-iyg
Mais informações: www.unifesp.br