Maioria dos 38 milhões de eleitores aptos a votar no segundo turno é mulher



Quase 54% dos eleitores que estão aptos a votar nos 57 municípios em que haverá segundo turno (29) são mulheres; 56,20% do total são solteiros; 11,10% estão na faixa etária entre 35 e 39 anos; e 29,84% têm ensino médio completo. Esse é o perfil médio dos 38.284.410 eleitores que estão aptos a votar no segundo turno das Eleições Municipais neste domingo (29).

O retrato dos eleitores consta das Estatísticas Eleitorais que fazem parte do site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e foi traçado conforme a autodeclaração fornecida pelo eleitorado.

A capital alagoana é a que possui a maior quantidade de mulheres eleitoras (55,46%) do total de alistados na cidade. Já Joinville (SC) é o que possui mais eleitores do sexo masculino (48,08%).

O perfil do eleitorado nas 57 cidades com segundo turno indica ainda que a maioria completou o ensino médio (32,05%), sendo que a cidade que detém o maior percentual nessa categoria é São Luís (MA). Já Vitória (ES), contempla o maior número de pessoas com nível superior completo (31%).

Pouco mais de 420 mil pessoas que poderão votar nessas cidades declaram possuir algum tipo de deficiência, sendo 154.981 eleitores da capital paulista, seguido pelo Rio de Janeiro (27.263) e Guarulhos (22.659).

Já os eleitores que declararam o nome social totalizam 3.403 pessoas, 982 delas da cidade de São Paulo, 292 moradores de Fortaleza (CE) e 283 são da capital fluminense.

Capitais – Dos 57 municípios que vão definir os prefeitos no segundo turno, 18 são capitais. A Região Nordeste é a que tem a maior quantidade de capitais (sete) que ainda não definiram o chefe do Poder Executivo local: Maceió, Fortaleza, São Luís, João Pessoa, Recife, Teresina e Aracaju. Na sequência, vem a Região Norte, com cinco capitais no segundo turno: Rio Branco, Manaus, Belém, Porto Velho e Boa Vista.

Os eleitores de Vitória (ES), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP) também terão de comparecer às urnas no próximo dia 29.

Cuiabá (MT) e Goiânia (GO) são as duas únicas capitais no Centro-Oeste brasileiro a disputar o segundo turno das eleições. No Sul, apenas Porto Alegre (RS) terá disputa no último domingo do mês.