Bombeiros realizam rescaldo de incêndio em fábrica de plásticos no Jardim Triunfo

Foto: Giovanna Silvério/Guarulhos Hoje

O Corpo de Bombeiros ainda realiza, nesta segunda-feira (2), o trabalho de rescaldo na Plásticos Lucas que pegou fogo na tarde de ontem no Jardim Triunfo, região do Bonsucesso. A fábrica, localizada na avenida Marcos Paulo Gonçalves, trabalhava realizando reciclagem de materiais plásticos. Imagens divulgadas nas redes sociais mostraram a dimensão do incêndio, que deixou uma fumaça preta no céu. 

Os bombeiros estão trabalhando de maneira contínua há mais de 10 horas pois o incêndio começou por volta das 16h30 deste domingo (1º). Além disso, máquinas também estão no local para retirada de materiais. As causas do incêndio serão investigadas, mas há suspeita de que houve um princípio de um curto-circuito dentro do prédio da administração da empresa.

A aposentada, Rosângela Cristina Novaes, contou ao HOJE que tinha ido ao teatro e quando chegou em casa, por volta das 17h, se deparou com as labaredas. “Do outro lado da fábrica já estava pegando fogo há algum tempo, só depois chegou aqui na entrada antiga. Essa fábrica está aqui há mais de 30 anos, é muito antiga e sempre deu problema para nós moradores, principalmente por conta da sujeira e do barulho. Nós chamamos o bombeiro, ligamos muitas vezes pois ao lado tem um frigorífico e uma fábrica de papelão, ficamos preocupados por ser muito material inflamável. Foi a noite inteira pegando fogo. A minha casa mesmo, que é bem em frente e é toda de madeira por dentro, esquentou tudo e eu fiquei apavorada. Mas, graças à Deus, quando os bombeiros conseguiram controlar o fogo, esfriou. Por volta das 20h de ontem cortaram nossa luz e até agora não voltou”, afirmou.

Para combater o fogo no local, foram necessárias 25 viaturas do Corpo de Bombeiros e 66 militares. Além do apoio da Defesa Civil e da Guarda Civil Municipal (GCM). Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo se alastrou para o teto do edifício comercial que tem mais de 3 mil m² e as chamas foram controladas por volta das 04h de hoje. De acordo com a Defesa Civil, os moradores do condomínio, que fica ao lado da fábrica, foram aconselhados a deixarem suas residências por segurança.

Um outro morador da região, que preferiu não se identificar, explicou que estava próximo ao local do incêndio ontem, um pouco depois que o mesmo começou. “Ainda ajudei o pessoal do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil a bloquear o trânsito para a passagem dos carros. Na verdade, o incêndio começou na parte de trás da empresa porque ela forma um L, começando com a parte maior aqui na frente e vai até lá atrás, no outro quarteirão, passando pela rua Onório Marsella, e volta aqui para esse outro galpão, que foi aonde pegou fogo. Como dá para ver daqui, as paredes estão escuras e queimadas do fogo, elas têm até rachaduras”, ressaltou o aposentado.

- PUBLICIDADE -