GCM Ambiental de Guarulhos completa 13 anos de proteção à fauna e à flora

Foto: Divulgação/PMG

A Inspetoria Ambiental da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos completou 13 anos de existência neste domingo (5), data que coincide com o Dia Mundial do Meio Ambiente. Com um time totalmente engajado na conservação da natureza e no combate a crimes contra a fauna e a flora, durante esse período foram 5,5 mil histórias de resgates e salvamentos de animais silvestres que estavam fora de seu habitat natural ou vítimas de porte e comércio ilegal.

Desde 2021 a inspetoria já resgatou 740 animais silvestres, o que inclui 342 aves, 320 mamíferos e 78 répteis. Todos foram salvos por agentes habilitados nas técnicas e no manejo de equipamentos para a retirada segura e transporte saudável dos animais. Além disso, a equipe conta com especialistas em biologia, gestão e engenharia ambiental.

O comandante Pedro Sarmento, que se formou na primeira turma de capacitação para a GCM Ambiental, lembrou algumas apreensões que emocionaram os agentes durante a trajetória da inspetoria, como o resgate de uma tartaruga-marinha em uma lagoa no bairro Lavras em 2017, que foi devolvida ao mar após ser reabilitada com fluidoterapia, suporte vitamínico e antibioticoterapia pelo Projeto Tamar.

“Marcou também a apreensão de 300 filhotes de aves que estavam em cativeiro em uma residência localizada na região do Pimentas. Eram papagaios, canários, papa-capins e outras espécies. O caso é um dos maiores resgates da região”, comentou.

Após o resgate os animais silvestres são prioritariamente libertados em seu habitat natural. Caso essa medida seja inviável por questões sanitárias ou de saúde, eles são entregues às equipes de biólogos e veterinários de instituições referenciadas, como zoológicos, centros de recuperação e de triagem.

Os resgates representam o maior número de ocorrências, mas Sarmento explicou que as principais ações desenvolvidas pela inspetoria são as voltadas à prevenção, uma vez que após um local sofrer algum tipo de dano, dificilmente haverá sua total recuperação.

Dentre os principais crimes e infrações combatidos pelos patrulhamentos preventivos estão o descarte irregular de resíduos sólidos, queimadas de vegetação e a soltura de balões. Mobilizam-se também contra as ocupações irregulares em áreas de risco, de preservação permanente e de conservação da natureza.

“Parabenizo os agentes que fazem ou fizeram parte do patrulhamento ambiental, em especial aqueles que contribuíram para a idealização, a criação e a fundação da instituição, por toda a cooperação em prol de um meio ambiente ecologicamente equilibrado, cenário que é essencial para a qualidade de vida e a saúde da geração atual e das futuras”, agradeceu o comandante.

Serviço

O munícipe que encontrar algum animal silvestre deve ligar para a Central de Atendimento da Guarda Civil Municipal pelos telefones 2475-9444 ou 153, que funcionam 24 horas, todos os dias da semana.

- PUBLICIDADE -