Guarulhos recebe recursos e equipamentos do governo do Estado de São Paulo

Foto: Divulgação/PMG

A cidade de Guarulhos foi palco do anúncio do governo do Estado de São Paulo nesta sexta-feira (24) sobre a liberação de recursos para saúde, infraestrutura urbana, habitação, turismo, saneamento e a entrega de veículos e equipamentos para cidades do Alto Tietê.

A iniciativa do Estado, denominada “Governo na Área”, tem o objetivo de prestar contas das ações realizadas em prol do desenvolvimento dos municípios paulistas com a presença de autoridades, secretários, representantes públicos e da sociedade civil.

“Aqui em Guarulhos nós temos o projeto ‘Você na Prefeitura’, que tem o intuito de descentralizar os processos públicos e intensificar a troca e a interação popular, levando o atendimento municipal aos bairros, e acredito que o projeto ‘Governo na Área’ tenha vindo para ficar. A descentralização é a chave para uma evolução mais rápida e efetiva dos serviços”, salientou o prefeito de Guarulhos, Guti.

O bairro do Pimentas será beneficiado com o investimento de R$ 35,4 milhões para a construção de 624 moradias em uma área de 99,7 mil m² e a urbanização, regularização fundiária e recuperação ambiental de um assentamento da região. O projeto faz parte de uma parceria entre a Prefeitura de Guarulhos, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), a Sabesp e o Departamento de Águas e Energia Elétrica.

Guti anunciou que milhares de pessoas serão beneficiadas com um lar, obras de infraestrutura e titulação de moradias. “Guarulhos contará ainda com o Programa Viver Melhor, que irá contemplar uma área ocupada por 457 famílias com obras de interligação de água e esgoto, pavimentação, drenagem e canalização de 291 metros de córregos”, ressaltou.

Guarulhos recebeu a liberação de R$ 2 milhões do Estado para a viabilização de três casas terapêuticas. Desse modo, o programa Recomeço visa a expandir o atendimento de mais 45 pessoas dependentes químicas na Região Metropolitana. Deste total, R$ 160 mil serão para reparos nos imóveis e R$ 1,8 milhão para custear as casas com contas mensais e viabilização de profissionais da área de assistência social.

“Somos um município em constante movimento com crescimento urbano e econômico. Nós somos a porta de entrada do país, a cidade não capital mais populosa do Brasil. É muito importante que unamos forças para a construção de um futuro mais próspero para todos, com mais oportunidades, condições e qualidade de vida. Só temos a agradecer a cada um pelos esforços empreendidos em prol de Guarulhos”, reforçou Guti.

Equipamentos

O Estado entregou ao município uma picape 4×4 e duas 4×2, além de um kit para a Defesa Civil com duas motosserras, dois holofotes de 100 watts com tripé, um gerador elétrico e uma lanterna.

A cidade recebeu também oito ambulâncias de simples remoção que serão utilizadas pelo Serviço de Transporte Sanitário e Ambulatorial, responsável pelo translado de pacientes com dificuldade de locomoção e que não têm recursos financeiros para custear a condução para a realização de tratamentos de saúde.

As ambulâncias serão utilizadas para o transporte de pacientes acamados que não podem ser removidos por outro meio e ainda daqueles que precisam ser transferidos de um hospital para o outro, chamado de inter-hospitalar, bem como para altas hospitalares realizadas pelo município. Esses novos veículos possibilitarão um aumento expressivo no número de atendimentos realizados.

Infraestrutura e saneamento

Cerca de R$ 188 milhões liberados pelo Governo do Estado para Guarulhos e demais cidades do Alto Tietê serão destinados a obras de saneamento básico que irão contemplar mais de 50 mil habitantes, como a implantação de duas Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs), Cabuçu e Fortaleza, e da Unidade de Recuperação da Qualidade (URQ) da água do rio Tietê, na Ponte Grande.

Foi celebrado também um acordo para a criação do projeto executivo da alça de ligação do Trecho Norte do Rodoanel Mário Covas com o Aeroporto Internacional de Guarulhos, que terá acesso por meio das vias marginais, e a implantação do viaduto da avenida Candea como uma alternativa para que o tráfego da região não seja gravemente afetado pela obra da alça.

“Vocês sabem o esforço que nós estamos realizando para aumentar o nível de tratamento do esgoto da região do Alto Tietê. A Sabesp tem sido bem-sucedida nessas obras. Nós já afastamos as questões de racionamento de água aqui na cidade e, agora, em um esforço conjunto com a Prefeitura, avançamos em várias obras na região e também em Guarulhos”, disse o governador Rodrigo Garcia.

- PUBLICIDADE -