Organizadores de Fórum Audiovisual buscam espaço no antigo prédio da Câmara

Os organizadores do projeto Fórum Audiovisual, continuam atrás do espaço para que corresponde ao antigo prédio da Câmara Municipal, localizado na Praça Getúlio Vargas. O segundo andar do local passou a ser administrado pela Secretaria da Cultura, durante a gestão passada, que possuía diversos projetos para o espaço, como transformar em um Cineclube, com sala de exibição e dois estúdios, um para edição de vídeo e outro para áudio.

O projeto para o Cineclube foi elaborado pela gestão passada, pelo então secretário de cultura da época Edmilson Souza, hoje vereador do Partido dos Trabalhadores (PT). Segundo Edmilson, toda a reforma do segundo andar foi executada e finalizada na metade de 2016, entre carpete, poltronas, pintura do prédio e banheiros novos, restando apenas à instalação da caixa de sistema do ar-condicionado.

A ideia do grupo Fórum Audiovisual era a implantação do curso de formação cinematográfica na cidade, que ocorreu apenas uma vez, em 2014, sendo o primeiro curso da cidade promovido pelo poder público, contando com a participação de 80 pessoas, além de 12 produções audiovisuais.

Segundo Renato Santos, um dos organizadores do fórum, o Cineclube que não foi inaugurado durante a gestão passada, agora corre o risco de perder o espaço, que deverá ser alocado para a presença da TV Câmara, e o primeiro andar está provisoriamente com a Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), enquanto aguarda a reforma do prédio.” A gente está tentando fazer com que eles mudem de ideia, inclusive realizamos um abaixo assinado para conseguir o local que possui investimento federal”, afirmou Santos.

O abaixo assinado deverá ser entregue para o prefeito Guti (PSB) e para o secretário de Educação, Cultura e Lazer, Alexandre Zeitune (REDE). “O manifesto visa fortalecer essa reivindicação, onde queremos que os artistas de maneira colaborativa possam gerenciar o local e atender a cidade da maneira que ela merece”, revelou Santos. Um dos objetivos do fórum é a criação de uma escola de cinema livre para a cidade, além de incluir a exibição de filmes nacionais.

A reportagem do HOJE entrou em contato com a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, e obteve a resposta que o local do Cineclube está garantido, porém, a secretaria não soube informar se existe a possibilidade de ocupar o segundo andar do prédio da antiga Câmara.

Reportagem: Ulisses Carvalho