Cresce taxa de ocupação de vagas do programa Mais Médicos na rede municipal de saúde

Com a chegada de mais sete médicos, que devem iniciar suas atividades na próxima semana, a cidade de Guarulhos apresentou crescente na taxa de ocupação das vagas para médicos no Programa Mais Médicos, criado pelo governo federal em meados de 2013. Atualmente, o município conta com 60 profissionais por meio desta iniciativa.
Nos anos de 2013 e 2014, o Ministério da Saúde autorizou o ingresso de 52 médicos e no biênio seguinte com 59 para atuação na rede municipal de saúde. Neste ano, o município que conta com quase 1,4 milhão de habitantes tem a permissão para ingressar em sua rede com 63 profissionais. Segundo a prefeitura, através da secretaria de Saúde, 60 médicos ocupam estas vagas.

Aliás, neste ano, a cidade registrou a maior taxa de ocupação das vagas disponíveis pelo programa do governo federal desde sua adesão. Atualmente este índice é de 95%. Em 2013, foram ocupadas 48% das vagas; 2014 – 42%, 2015 – apenas 7%, e 2016 – 29%.
Entretanto, o governo guarulhense não revelou quais são os custos mensais com os profissionais do programa, mas ressalta que o Ministério da Saúde faz o repasse mensal de uma bolsa-formação ao médico e o município de Guarulhos faz o repasse mensal para Auxílio Moradia e Alimentação, conforme Lei Municipal nº 7.358, de 23 de Dezembro de 2014, cujo valor é depositado todo dia 15 de cada mês.

De acordo com o Ministério da Saúde, este índice possui esta variação constante em função do dinamismo das regras do programa. Isto ocorre conforme a saída e reposição de profissionais e o encerramento de contratos. O ministério destaca que são lançados periodicamente editais para reposições de saídas de profissionais.

Antônio Boaventura
[email protected]
Foto: Fábio Nunes Teixeira