Prefeitura irá realizar estudos na área reivindicada pelos indígenas

A prefeitura por meio da Subsecretaria de Igualdade Racial, com representantes da Secretaria de Meio Ambiente, Subsecretaria de Comunicação e Progresso e Desenvolvimento Guarulhos S/A (Proguaru), realizaram uma visita aos indígenas na manhã desta última quarta-feira (01), com o objetivo de falar sobre a área reivindicada na mata pelas dez etnias, que chegaram ao local na última sexta-feira (27).

“A conversa foi boa, e a partir de hoje eles se comprometeram a realizar o levantamento da área para saber a quem pertence”, afirmou o presidente da Associação Arte Nativa Indígena de Guarulhos e um dos caciques do povo Tupi, Awa Kuaray-Wera, 45, destacando que após o estudo da mata, a administração municipal deverá retomar o diálogo com as etnias que estão presentes no local.

Segundo a administração municipal, a entrega do documento com a reivindicação do Projeto Terra Sagrada pelos indígenas foi realizada no dia 26 de outubro ao prefeito Guti, porém, a prefeitura faz questão de enfatizar que o diálogo está aberto em relação causa indígena, assim como a valorização da cultura, destacando também o evento do Encontro dos Povos Indígenas no mês de maio no Bosque Maia, com a participação de 40 etnias.
Enquanto a prefeitura irá realizar o estudo da área, os índios seguem no local, e nesta sexta-feira (03), será a inauguração da casa de reza chamada em Tupi de “apy”. “Teremos danças neste dia, e após isso, neste final de semana deveremos começar a construção de nossas casas”, afirmou Wera.

A reportagem do HOJE questionou a prefeitura sobre as construções que os índios estão realizando no local e também se eles devem continuar na mata, porém, a resposta foi apenas que o assunto se encontra em análise. “A área reivindicada situa-se ao lado do traçado do Rodoanel Metropolitano de São Paulo. A prefeitura iniciou estudo para determinar a propriedade e demais informações sobre a mesma”.

A administração municipal também revelou que a população indígena no Brasil segundo dados o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é de 896.917 mil índios, sendo 1.417 em Guarulhos, falantes de 274 línguas diferentes, e no município, as etnias são Fulni-ô, da região de Águas Belas, cidade de Pernambuco, Jiripanco, da cidade de Pariconha, em Alagoas, Kaimbé, de Euclides da Cunha, na Bahia, Maxacali, de Bertópolis, no estado de Minas Gerais, Pankararé, da cidade de Brejo dos Padres, em Pernambuco, Pataxó, de Coroa Vermelha, na Bahia, entre outras.

Reportagem: Ulisses Carvalho
[email protected]
Foto: Ivanildo Porto