Sem atividade desde o último dia 13, a Comissão Especial de Inquérito (CEI), que investiga o vice-prefeito Alexandre Zeitune (Rede) deve convocá-lo para prestar esclarecimentos as denúncias de suposta extorsão após a conclusão da perícia nos áudios que deram origem à denúncia e instauração da comissão.
“Só vamos convocar Zeitune após a realização da perícia nos áudios. Mas, se ele sentir-se à vontade e quiser se manifestar na CEI não haverá problema”, disse o presidente da comissão, vereador Marcelo Seminaldo (PT).

Os vereadores que integram a CEI resolveram cancelar a reunião da última terça-feira (20) pelo fato de não ter encontrado e notificado o suposto “operador” do caso Zeitune, que seria o empresário Marco Antônio Ferreira, segundo as denúncias. Seminaldo informou que Ferreira deverá ser convocado de forma coercitiva.
“A gente quer ouvi-lo e estamos prestes a encontrar seu endereço. Notificando, este é o momento dele vir à comissão para prestar os esclarecimentos”, justificou o petista.

Antônio Boaventura
antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

Foto: Ivanildo Porto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here