CEI dos Devedores aguarda informações da prefeitura para retomar os trabalhos

Reportagem: Antônio Boaventura

[email protected]

A Câmara Municipal deu o ponta pé inicial nos trabalhos da Comissão Especial de Inquérito (CEI), que investiga os motivos que culminaram na inadimplência bilionária no pagamento de impostos ao município, na última quinta-feira (22). No entanto, a sequência da mesma depende do envio de informações solicitadas à Prefeitura de Guarulhos.

Na primeira ação realizada pelos parlamentares que integram aquele colegiado, solicitaram a administração pública dados referentes aos cem maiores devedores de impostos como o Imposto sobre a Propriedade Territorial e Urbana (IPTU) e ISS (Imposto Sobre Serviços), que juntos somam quase R$ 3 bilhões.

“As informações são importantes e temos que respeitar, independente de serem importantes, aqueles processos que possam estar em sigilo fiscal e seguir os ritos legais para que a gente trabalhe dentro da legalidade e saber quem são esses devedores e de que forma estão esses débitos”, disse o vereador Eduardo Carneiro (PSB), líder do governo e relator da comissão.

Já o presidente da CEI, vereador João Dárcio (Podemos), entende que a continuidade dos trabalhos depende dos dados referentes ao estágio em que se encontram estes processos na secretaria de Fazenda. Contudo, não há qualquer previsão para o retorno das atividades.

“Nós pedimos a atualização dos documentos, dos valores, se existe ação judicial ou não, se existe cobrança e qual é a formatação dessa cobrança. Isso serve para que possamos elaborar uma estratégia para a condução dos trabalhos. E também precisamos saber quantos funcionários estão cedidos para a Fazenda Pública”, concluiu Dárcio.

Foto: Ivanildo Porto