Prefeito Guti cria unidade de gestão para gerenciar consumo de energia na cidade

Antônio Boaventura

[email protected]

O prefeito Guti criou a Unidade de Gestão Energética Municipal de Guarulhos (Ugem) para gerenciar o consumo de energia elétrica no município, que fica sob a subordinação da secretaria de Obras. De acordo com o chefe do Executivo, a ação tem como propósito combater o desperdício deste insumo em residências, instalações comerciais e prédios públicos.

Além da adoção de políticas voltadas para conter o desperdício, o governo municipal também pretende colocar em prática propostas que possam proporcionar o uso racional de energia elétrica no âmbito da administração municipal.

De acordo com a publicação no Diário Oficial do Município (DOM) da última sexta-feira (24), Guti ressalta que esta tarefa pode ser classificada como um desafio para sua gestão, em função do conceito de sustentabilidade.

Ele entende que é necessário desenvolver esforços para combater o desperdício de energia elétrica, especialmente nos serviços de iluminação pública e no consumo de energia nos prédios públicos. Entre outros, Guti considera a economia de energia elétrica como elemento fundamental na preservação do ambiente, e a consequente liberação de recursos para aplicação em setores prioritários para o desenvolvimento da cidade.  

Esta unidade teve como bases de criação experiências realizadas por outros municípios, que desenvolveram processos semelhantes na busca de melhores resultados no consumo de energia elétrica. O mesmo aponta a importância, a conveniência e oportunidade de participar e compartilhar do esforço das boas práticas e que a inclusão do município no processo não acarreta ônus às finanças municipais.

A Ugem ficará subordinada à secretaria de Obras – Departamento de Iluminação Pública -, com o objetivo de aplicar a metodologia de elaboração do Plano Municipal de Gestão da Energia Elétrica (Plamge), que inclui organizar, gerenciar e planejar o consumo de energia elétrica, desenvolver programas, projetos e atividades visando à eficiência energética.