Serviço funerário centraliza e altera atendimentos devido ao coronavírus

Em mais uma frente de trabalho contra a disseminação do novo coronavírus, o serviço funerário municipal adotou nesta semana medidas extras de proteção a usuários e servidores. O objetivo das alterações é reduzir ao máximo as chances de transmissão da doença.

 Entre as alterações está a transferência do atendimento da Agência Funerária Central para a agência funerária do Cemitério Necrópole Campo Santo, na Vila Rio de Janeiro, onde estão sendo atendidos apenas dois familiares por vez. Além disso, todos os servidores estão recebendo equipamento de proteção individual, como máscaras e aventais.

Para reduzir o tempo de concentração de pessoas em um mesmo espaço, a duração dos velórios realizados nos períodos manhã e tarde está limitada a duas horas. Não estão sendo realizados velórios no período noturno. As famílias são orientadas a manter, no máximo, dez pessoas por vez dentro das salas de velório.

Em casos confirmados ou suspeitos do novo coronavírus, demais doenças respiratórias ou relacionadas a infecções gerais, haverá apenas despedida em local aberto, seguindo para sepultamento direto. Neste momento, independente da causa do óbito, as urnas não podem ser paramentadas com flores ou outros artigos funerários e são lacradas.

Serviços cemiteriais passíveis de agendamento, tais como renovação de nichos e exumações ainda não publicadas no Diário Oficial do Município, estão suspensos até o próximo dia 18 de abril ou até novas orientações do Ministério da Saúde.

Outras alterações e mais informações sobre os serviços funerários municipais podem ser conferidas no site funeraria.guarulhos.sp.gov.br.