Sindicato ameaça paralisação dos ônibus na próxima segunda em Guarulhos

O Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários no Transporte de Passageiros, Urbano, Suburbano, Metropolitano, Intermunicipal e Cargas Próprias de Guarulhos e Arujá em São Paulo (Sincoverg) emitiu um comunicado nesta sexta-feira (18) reafirmando uma possível paralisação do transporte coletivo em Guarulhos na próxima segunda-feira (21).

Segundo eles, “desde o início da pandemia os trabalhadores do transporte público têm atuado heroicamente para não deixar a população sem esse serviço essencial. Nós, trabalhadores do transporte público, exigimos respeito à categoria e reconhecimento de nossa dedicação. Só reivindicamos nossos direitos”.

A categoria alega que está sem reajuste desde 2019, seja de salários, tíquetes e demais benefícios. Além disso, segundo eles, “a data-base da categoria, 1º de maio, foi ignorada pelos patrões, que alegam não poder conceder qualquer aumento devido à corte de subsídio da prefeitura, o que é negado pela administração municipal”.

Eles estão em estado de greve desde o último dia 8. Os trabalhadores reivindicam um reajuste de 2,44% referente ao ano passado, já que não foi feito, e mais 7,59% deste ano.