Campanha Nacional de Multivacinação tem início nesta sexta-feira

A partir desta sexta-feira (1º) terá início a Campanha Nacional de Multivacinação para atualização da caderneta de crianças e adolescentes de até 15 anos de idade (14 anos, 11 meses e 29 dias). Pais ou responsáveis devem levar os menores até a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima ou até o Ambulatório da Criança (rua Osvaldo Cruz, 151, Centro) para que sejam vacinados. É necessário apresentar documento com foto e carteirinha de vacinação para que o profissional avalie quais das 16 vacinas disponíveis devem ser aplicadas.

O Dia V de Mobilização Nacional, quando todas as UBS e o Ambulatório da Criança estarão abertos para vacinação, será no dia 16 de outubro (sábado), das 8h às 17h. Neste ano o dia “D” foi alterado para dia “V” de vacina, a melhor forma de prevenção de doenças imunopreveníveis, por iniciativa do governo do Estado de São Paulo.  

O objetivo da campanha, que se encerra em 29 de outubro, é melhorar o acesso às vacinas, aumentar as coberturas vacinais, diminuir a incidência das doenças imunopreveníveis e, consequentemente, contribuir para o controle, eliminação e/ou erradicação das doenças imunopreveníveis. Por isso é muito importante que a população-alvo seja imunizada.

Vale lembrar que em caso de perda da caderneta de vacinação, pais ou responsáveis devem comparecer à mesma UBS onde as crianças foram vacinadas anteriormente para consultar as doses já aplicadas na ficha de registro arquivada na unidade.

Vacinas disponíveis

Os imunizantes disponíveis são para BCG, hepatite B, poliomielite 1,2,3 (vip – inativada), poliomielite 1 e 3 (vop – atenuada), rotavírus humano g1p1, dtp+hib+hb (penta), difteria, tétano, pertussis (dtp), pneumocócica 10 valente, meningocócica c, febre amarela, sarampo, caxumba e rubéola (scr), sarampo, caxumba, rubéola e varicela (scrv), hepatite a, varicela, papilomavírus humano 6,11,16,18 (hpv) e meningo ACWY.

Intensificação da vacinação contra o sarampo

Devido à circulação de sarampo no Estado de São Paulo ainda em 2021, faz-se necessária a intensificação com a vacina tríplice viral no seguinte público-alvo: bebês de seis a 11 meses (dose zero) e pessoas de 15 anos a “nascidos a partir de 1960”, sendo o esquema vacinal de duas doses para até 29 anos e uma dose a partir de 30 anos.

Vacinação contra a covid-19

O Dia V também será uma oportunidade para que qualquer pessoa com 12 anos ou mais, que por algum motivo ainda não tomou a vacina contra a covid-19, seja imunizada contra a doença. Para se vacinar basta apresentar documento com foto, comprovante de endereço e cartão de vacinação, caso já tenha tomado a primeira dose. Menores de 18 anos também devem levar o Termo de Assentimento assinado, disponível na UBS ou em bit.ly/duvidasvacinagru.