Banco de Sangue necessita de doações de sangue do tipo ‘O negativo’

Imagem: Ahmad Ardity por Pixabay

O Banco de Sangue de São Paulo está com os estoques de sangue tipo ‘O negativo’ abaixo do nível ideal. Por isso, está convocando os doadores desta tipagem sanguínea para que se sensibilizem e compareçam ao local para praticarem esse gesto voluntário, deixando assim uma margem segura para os atendimentos aos pacientes internados nos hospitais.

Para se ter uma ideia da importância deste tipo de sangue nos diversos tratamentos clínicos, Bibiana Alves, líder de captação do Banco de Sangue de São Paulo, explica que o ‘O negativo’ é considerado universal e, portanto, em casos de extrema urgência, é o que é utilizado pelos hospitais.

“Além disso, o Banco de Sangue tem o protocolo de transfundir bolsas de sangue ‘O negativo’ em recém-nascidos de até 4 meses quando necessitam de transfusão”, informa a líder de captação.

Bibiana Alves ressalta que as demandas aumentaram em razão da retomada da vida social, do retorno de cirurgias eletivas, além dos pacientes que prosseguem em tratamentos de Covid, anemias, câncer, dentre outros procedimentos. A instituição atende a mais de 40 hospitais, entre públicos e privados, em São Paulo e Grande São Paulo, incluindo a região do ABC.

O Banco de Sangue de São Paulo atende diariamente, das 7h às 18h, na rua Tomás Carvalhal, 711 – Paraíso, inclusive aos domingos e feriados, oferecendo mais possibilidades para que a população possa organizar suas agendas de forma tranquila, reservando um tempinho para a doação de sangue.

A instituição esclarece que segue rigorosamente todos os protocolos de segurança contra a covid-19 e por isso conquistou o selo Covid Free de Excelência, concedido pelo IBES – Instituto Brasileiro para Excelência em Saúde, em reconhecimento por manter as melhores práticas de prevenção e enfrentamento da pandemia de coronavírus.

Requisitos básicos para doação de sangue:

• Apresentar um documento oficial com foto (RG, CNH, etc.) em bom estado de conservação;

• Ter idade entre 16 e 69 anos desde que a primeira doação seja realizada até os 60 anos (menores de idade precisam de autorização e presença dos pais no momento da doação);

• Não é permitido realizar doação acompanhado de menores de 12 anos (exceto se o menor estiver acompanhado de dois adultos, sendo necessário o revezamento dos mesmos enquanto acontece a doação);

• Estar em boas condições de saúde;

• Pesar no mínimo 50 kg;

• Não ter feito uso de bebida alcoólica nas últimas 12 horas;

• Após o almoço ou ingestão de alimentos gordurosos, aguardar 3 horas. Não é necessário estar em jejum;

• Se fez tatuagem e/ou piercing, aguardar 12 meses. Exceto para região genital e língua (12 meses após a retirada);

• Não ter diabetes em uso de insulina;

• Se passou por endoscopia ou procedimento endoscópico, aguardar 6 meses;

• Não ter tido Doença de Chagas ou Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST);

• Candidatos que apresentaram sintomas de gripe e/ou resfriado devem aguardar 30 dias após cessarem os sintomas para realizar doação de sangue;

• Aguardar 48h para doar caso tenha tomado a vacina da gripe, desde que não esteja com nenhum sintoma;

Consulte nossa equipe em casos de hipertensão, uso de medicamentos e cirurgias.

Critérios específicos para o Coronavírus:

• Se teve contato com paciente positivo ou com suspeita de COVID-19, aguardar 14 dias;

• Se contraiu COVID-19, aguardar 30 dias;

• Aguardar 48h caso tenha tomado a vacina Coronavac/Sinovac e 7 dias caso tenha tomado a Astrazeneca, Pfizer ou Janssen;

• Candidatos que viajaram para o exterior devem entrar em contato com o Banco de Sangue para entender o período que não pode doar (varia de país a país).

Serviço:

Banco de Sangue de São Paulo – Unidade Paraíso

Endereço: Rua Tomas Carvalhal, 711 – Paraíso

Tel.: (11) 3373-2000

Atendimento: Diariamente, das 7h às 18h; incluindo sábados, domingos e feriados. Estacionamento gratuito no local.