Quatro regiões de Guarulhos registram aumento no volume de chuvas em janeiro

Foto: Divulgação/PMG

As regiões de Cumbica, Jardim Aracília, Nova Cidade e Centro foram marcadas por aumento no volume acumulado de chuvas no primeiro mês do ano em comparação com janeiro de 2021. A análise é feita por meio dos aparelhos pluviométricos utilizados pelos agentes da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) no monitoramento constante das precipitações que atingem a cidade.

Em Cumbica e no Jardim Nova Cidade o aumento foi o mesmo, de 214 mm (em índices pluviométricos, cada milímetro de chuva equivale a 1 litro de água em 1 m²), o que levou a uma concentração de mais de 400 mm de chuvas no mês. No Centro foram acumulados 521 mm, contra 401 mm do ano anterior. Já no Jardim Aracília foram 393 mm, um crescimento de 171 mm.

Mesmo com a elevação dos índices, a quantidade de ocorrências teve ligeiro acréscimo. Foram 147 chamados, apenas 12 a mais do que em janeiro do ano passado, sem vítimas, desabrigados ou prejuízos estruturais graves. Segundo o coordenador-adjunto da Compdec, Israel Soares, isso se deve ao fato de que as ações preventivas ocorrem durante o ano inteiro, mesmo durante a estiagem, para evitar problemas.

Por outro lado, o comparativo também apontou reduções nos índices pluviométricos. No bairro Cidade Soberana o índice apontou menos 163 mm. As chuvas no Parque Cecap foram minimizadas em 52 mm e no Jardim Adriana manteve-se em cerca de 370 mm.

“O monitoramento meteorológico e o estudo dos fenômenos climáticos que atingem o município é feito diariamente por nosso time com tecnologias e compartilhamento de informações entre órgãos. Mas, mesmo com as previsões, nos preparamos também para as situações mais improváveis a fim de salvar vidas nas mais diversas circunstâncias”, pontuou Soares.

Receba alertas da Defesa Civil

A Compdec orienta que o cidadão se cadastre no sistema gratuito de alertas em tempo real via SMS da Defesa Civil do Estado de São Paulo. Basta enviar uma mensagem para o número 40199 e informar o CEP em que reside para se cadastrar no sistema. Não há limites de quantos endereços podem ser cadastrados, porém, deve ser enviado apenas um por SMS.

Em caso de emergências, dúvidas ou necessidade de vistorias acione a Defesa Civil pelo telefone 199, que opera 24 horas no atendimento de ocorrências para proteger vidas e mitigar riscos.

- PUBLICIDADE -