Prefeitura deflagra operação integrada de combate ao furto de fiações elétricas da rede pública

Fotos: Ivanildo Porto/PMG e Divulgação

A Prefeitura de Guarulhos deflagrou a Operação Nobreak de combate ao furto de fios e cabos elétricos da rede pública nesta quinta-feira (24), no Paço Municipal. A ação envolveu cerca de 50 agentes da Guarda Civil Municipal (GCM), da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU) e da Polícia Civil do Estado, que inspecionaram os produtos e as documentações de comércios voltados à reciclagem de sucatas suspeitos de receber e revender os materiais roubados.

Nobreak apresentou duas prisões em flagrante por furto de fios e seis apreensões que resultaram em inquéritos policiais para apuração de crime de receptação. Presente na deflagração, o prefeito Guti destacou que o delito pode tornar vulnerável setores públicos essenciais que atendem a população, como a saúde e a segurança pública.

“São inúmeros os perigos envolvidos nessa prática criminosa. Um furto de fiação pode ocasionar a falta de energia elétrica em hospitais e dificultar atendimentos de urgência. Pode ainda derrubar a internet, o que invariavelmente atrasa o fluxo nas unidades de saúde e de educação, e até mesmo impossibilitar a iluminação pública, o que torna o cidadão vulnerável a crimes ainda mais perigosos, entre outros riscos”, pontuou Guti.

O secretário para Assuntos de Segurança Pública, Márcio Pontes, enalteceu os serviços de inteligência das corporações envolvidas, que possibilitaram a análise das regiões com maiores indicadores desse crime e dos possíveis receptadores. “Nossos agentes seguem no enfrentamento dessa prática perigosa e à disposição para receber denúncias por meio do telefone 153, que opera 24 horas, todos os dias da semana”, comentou.

- PUBLICIDADE -