Patrulha Maria da Penha detém homem por agressão à companheira no Jardim Tranquilidade

A Patrulha Maria da Penha da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos prendeu um homem acusado de agressão à sua companheira no Jardim Tranquilidade na manhã desta sexta-feira (10). A vítima procurou a equipe pessoalmente e foi recepcionada pelos agentes especializados no atendimento a casos de violência doméstica, que logo constataram os hematomas e ferimentos em seu rosto, pescoço e testa.

A vítima contou à equipe que sofre violência física e psicológica há três anos, mas tinha medo de denunciar e sofrer assédios do agressor. Agora ela tomou coragem e foi até a inspetoria, localizada na praça Antônio Nader, no Gopoúva, onde os agentes são treinados para lidar com condutas de tratamento e escuta às pessoas que precisam de acolhimento.

Na residência da vítima o acusado ainda agia agressivamente e tentava fugir, mas foi interceptado e conduzido à Delegacia de Defesa da Mulher. Ambos foram escutados pela autoridade policial, que após analisar as evidências e as lesões corporais lavrou um boletim de ocorrência de agressão e violência doméstica com base na lei 11.340/2006.

A mulher foi encaminhada para atendimento médico e passou por exame de corpo de delito. O acusado ficou detido e à disposição da Justiça.

Patrulha Maria da Penha

Desde 2018 a Patrulha Maria da Penha acompanha mulheres que sofreram violências físicas e/ou psicológicas a fim de assegurar o distanciamento do agressor e o cumprimento das medidas protetivas judiciais para garantir a integridade física das vítimas. Por meio da inspetoria já foram realizadas mais de 8,3 mil visitas monitoradas às assistidas pelo programa e atendidas mais de 540 pessoas para orientações e encaminhamentos.

- PUBLICIDADE -