Corpo carbonizado é achado em carro de PM desaparecido

O carro de um soldado da PM, desaparecido desde a última sexta-feira (29), foi encontrado nesta quarta-feira (3), queimado e com um corpo carbonizado dentro, em Mauá (Grande SP). A polícia ainda aguarda o exame de DNA para saber se o cadáver é do policial. Um suspeito pelo crime está preso.
De acordo com a Polícia Civil, João Gonçalves Farias Júnior saiu de casa dizendo para a mulher que iria para uma casa noturna na região de São Mateus (zona leste da capital) e não foi mais visto.
Na manhã de quarta, os policiais do 3º DP de Mauá receberam uma denúncia anônima dizendo que o carro dele, Volkswagen Crossfox, estava abandonado na rua.
Segundo a polícia, o veículo apresentava uma perfuração de arma de fogo no porta-malas e uma bala também foi achada.
Na quarta, um rapaz de 21 anos foi preso em Cidade Tiradentes (zona leste) suspeito do crime. A polícia diz que chegou até ele após uma testemunha indicá-lo.
O PM desaparecido foi condenado em dezembro de 2017 pelo crime de concussão após ter pedido propina a um motorista de caminhão. Ele respondia em liberdade e está afastado da polícia para fazer um tratamento médico.

(Folhapress)
Foto: Reprodução

- PUBLICIDADE -