O empoderamento feminino, a luta pelo fim da violência contra a mulher e o avanço de políticas públicas unificaram os discursos em evento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, nesta sexta-feira (8), realizado no auditório da Secretaria de Educação, no Macedo, e com a participação do prefeito Guti.

Organizado pela Subsecretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), vinculada à Secretaria de Direitos Humanos, a celebração da data propôs reflexões pelas autoridades presentes sobre a luta para combater a violência contra a mulher, o empoderamento e por direitos iguais na sociedade.

Na oportunidade, Guti anunciou que, a partir do próximo dia 29, a Prefeitura começará a distribuição de cartilha sobre Prevenção da Violência Doméstica e Familiar contra as Mulheres com a Estratégia de Saúde da Família. “A cartilha é para que as mulheres entendam seus direitos, consigam prevenir, denunciar, se empoderem e tenham de fato o poder em suas mãos e saibam o que podem e devem fazer”, disse. O documento, segundo o prefeito, é fruto de convênio entre a Prefeitura de Guarulhos e o Ministério Público do Estado de São Paulo, firmado no ano passado e capitaneado pela SPM e Secretaria da Saúde.

De acordo com o prefeito, o empoderamento feminino deveria ser algo nato e que hoje a mulher pode ser o que ela deseja ser. Lembrou, ainda, a luta que as mulheres enfrentam diariamente com jornadas duplas e até triplas de trabalho e que Guarulhos tem feito todos os esforços para dar melhor qualidade de vida para toda a sociedade. Já o secretário de Direitos Humanos, Lameh Smeili, afirmou que a luta da mulher é permanente e deve ser lembrada todos os dias.

Com o lema: “Por um mundo onde sejamos socialmente iguais e totalmente livres”, a subsecretária Verinha Souza ressaltou a atuação da SPM na prevenção da violência e estimulando o empoderamento feminino, bem como prestou contas dos serviços realizados em 2018, somando cerca de 23 mil atendimentos às mulheres por meio das Casas Clara Maria e do Centro de Referência à Mulher Vítima de Violência Doméstica. “A complexidade das relações e mudanças sociais impõem que sejamos perseverantes em nosso compromisso, comprometimento e trabalho, para que possamos transformar nosso tema de 2019 em realidade”, disse Verinha.

Homenagens

A solenidade do Dia Internacional da Mulher reuniu autoridades de vários segmentos e homenageou mulheres em profissões até então ocupadas por homens como: Darci Maria Feitosa dos Santos, inspetora da GCM; Priscila Rita Dalcin, técnica em manutenção de aeronaves da United Airlines; Paula Babinski, comandante das aeronaves A318, A319, A320 e A321; Simone Simões Vaz, instrutora de simulador de helicóptero; Sandra Ferreira dos Santos Soares, cabo PM do Corpo de Bombeiros; Gislaine Rodrigues Oliveira, motorista de aplicativo Uber; Renata Ramos da Silva, motorista de ônibus da empresa Viação Urbana de Guarulhos; Carolina da Silva Paes, geóloga; Solange Beraldes, motorista Bitrem da empresa Braspress; Sabina Silgueira Leite, da Casa Clara Maria Ponte Alta, representando as mulheres de todas as demais Casas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here