Guarulhos, Sorocaba e Ribeirão Preto são os municípios com maior elevação de mortes no trânsito

No ano de 2018, cerca de cinco mil pessoas morreram em acidentes de trânsito no estado de São Paulo. Os números do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito foram compilados pela Veltec e abrangem automóveis, caminhões, motocicletas e ônibus (http://www.veltec.com.br/mapa-de-calor).

Guarulhos foi o município que apresentou maior elevação no número de vítimas fatais no ano passado, com 138, um aumento de 37 casos se comparado a 2017. O automóvel foi o meio de transporte que mais puxou essa estatística, com 35% dos acidentes. Sorocaba e Ribeirão Preto também devem acender o alerta, com 84 e 80 vítimas fatais – respectivamente a segunda e a terceira localidades com elevação de mortes de um ano para o outro.

Giovani Penha, diretor de Tecnologia da Veltec, lembra que o mapa é estratégico para empresas, gestores de frota e motoristas observarem em quais vias aconteceram os acidentes no estado. “Munidos dessa informação, é possível aumentar a atenção em determinados pontos e tomar certas medidas preventivas para evitar acidentes no trânsito”.

Até 86% de redução
O Movimento Paulista de Segurança no Trânsito revela que 94% dos acidentes de trânsito são causados por falha humana, o que incentiva ainda mais a promoção de mecanismos que garantam ações preditivas. Nesse sentido, a Veltec é especialista e dispõe de uma solução que monitora comportamentos e situações de risco ao motorista.

O Vsafe é um equipamento de videomonitoramento que identifica algumas situações que colocam o motorista em perigo como: sonolência, fadiga, uso de celular ao volante, distração, risco de colisão, uso de cigarro e trocas de faixas. Composto por câmeras, uma instalada na cabine e outra na parte frontal do veículo, o Vsafe funciona como um sensor de fadiga e de controle de comportamentos de riscos. Os alertas são gerados em tempo real para o motorista, e os vídeos das infrações são transmitidos para a empresa.

“O uso de celulares e a distração do motorista enquanto dirige são algumas das infrações que o Vsafe identifica e faz os alertas. O equipamento também é capaz de detectar sinais de fadiga e sonolência, orientando imediatamente o condutor a parar para descansar”, explica Giovani Penha.

Além de controlar o comportamento inadequado do condutor dentro da cabine, o Vsafe também monitora condições externas. Por uma câmera frontal, é possível detectar a distância mais segura do veículo à frente. Além disso, indica quando o motorista realiza trocas de faixas sem a devida sinalização.