Guarulhos registra 83 casos de sarampo, diz Secretaria da Saúde

Reportagem: Ulisses Carvalho

[email protected]

De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde na tarde desta quinta-feira (05), a cidade de Guarulhos já registrou 83 casos de sarampo, porém, não houve nenhum óbito. Segundo a administração municipal, a região com maior número de casos ainda continua sendo o Centro e a maior parte dos casos está na faixa etária entre 15 a 29 anos.

“A única maneira de evitar o sarampo é pela vacina. No entanto, algumas medidas preventivas também são recomendadas, como lavar as mãos frequentemente com água e sabão, evitar ambientes fechados e aglomerados, entre outros cuidados que devem ser observados para qualquer doença de transmissão viral”, informou a secretaria.

Em menos de uma semana, o número de casos na cidade aumentou 27%, passando de 65 para 83. Guarulhos é uma das 39 cidades do estado que está com o surto da doença e a campanha de vacinação terminou no dia 16 do mês passado, porém, de acordo com a Secretaria de Saúde, os jovens de 15 a 29 anos, serão vacinados de acordo com o Programa Nacional de Imunização, que requer duas doses que previne contra o sarampo, rubéola e caxumba.

Caso este público não esteja com o esquema vacinal completo, essas pessoas devem procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para receber a vacinação, segundo a secretaria. Na quarta-feira (04), o Ministério da Saúde confirmou 2.753 casos da doença no país, no período entre 9 de junho a 31 de agosto deste ano.

De acordo com o ministério, das quatro mortes confirmadas, três tinham menos de um ano de idade. Somente o estado de São Paulo, concentra 98,37% dos casos, com 2.708, seguido pelo Rio de Janeiro, com 15, Pernambuco com 12, Distrito Federal (3), Goiás (1), Paraná (1), Maranhão (1), Rio Grande do Norte (1), Espírito Santo (1), Bahia (1), Sergipe (1), Santa Catarina (7) e Piauí (1).