SP adquire 725 mil novos testes para covid-19; meta é zerar fila de testagem

Foto: Paulo Guereta/AE

Durante a entrevista coletiva diária realizada pelo governo de São Paulo para atualizar a situação do Estado no combate à pandemia do novo coronavírus, o governador João Doria informou que SP adquiriu 725 mil testes da Coreia do Sul, que chegaram ao Instituto Butantan na madrugada desta terça-feira, 14. Segundo Doria, a esses 725 mil testes, serão adicionados até o dia 25 de abril outros 525 mil exemplares, elevando, até 18 de maio, a capacidade de testagem dos laboratórios habilitados no Estado a 8 mil pacientes por dia, o quádruplo da atual capacidade de 2 mil testes diários.

Segundo o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, os 725 mil testes que chegaram irão possibilitar que os laboratórios zerem a fila de testes que esperam conclusão dos resultados já na semana que vem. Com isso, “as instituições poderão trabalhar apenas com a demanda do dia”, disse Covas. De acordo com ele, atualmente há 15,6 mil testes à espera de resultados, dos quais 12 mil já foram distribuídos à rede de laboratórios para análise

Com os novos testes chegando até o mês que vem, em um total de 1,3 milhão de testes comprados, Covas afirma que São Paulo garante sua política de testagem até os meses de junho ou julho, a depender da curva de evolução da covid-19.

Além da compra de novos testes, João Doria anunciou a aquisição de 18 milhões de máscaras da China, dividas entre 15 milhões de máscaras cirúrgicas e 3 milhões do tipo N95, com tecido reforçado. Todas serão distribuídas aos profissionais do sistema de saúde pública do Estado.