Rodovias concedidas em SP investem R$ 4 bi e criam 5 mil postos de trabalho

As rodovias sob concessão em São Paulo estão tocando 104 obras de melhoras na infraestrutura dos trechos, com investimentos na casa dos R$ 4 bilhões. Os dados foram divulgados pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), nesta terça-feira.

Segundo a Artesp, mesmo durante a pandemia provocada pelo novo Coronavírus, que exigiu isolamento social e interrupção de viagens a partir de meados de março, intervenções previstas em contrato seguiram o cronograma. Aproximadamente 5.200 postos de trabalho foram criados com as iniciativas, que englobam duplicação de rodovias, faixas adicionais, implantação de via perimetral, de marginais, entre outras.

“Mesmo diante dos desafios impostos pela pandemia, o governo entendeu que podia encontrar oportunidades para gerar emprego e renda para as cidades lindeiras, aliando ainda a melhoria das rodovias. Com as estradas mais vazias, houve a possibilidade de intensificar as obras”, afirma o vice-governador e secretário de Governo, Rodrigo Garcia, em nota.

“O Estado de São Paulo possui o maior número de concessões rodoviárias do País. Queremos que os usuários tenham cada vez mais serviços de qualidade e segurança. A Artesp, como órgão regulador e fiscalizador da atuação das concessionárias, está acompanhando bem de perto a execução destas obras”, afirma Milton Persoli, Diretor Geral da Artesp.