OMS: medidas de restrição de viagens devem ser tomadas de forma conjunta

Foto: Ivanildo Porto

O diretor executivo da Organização Mundial da Saúde (OMS), Michael Ryan, disse nesta segunda-feira, 27, que países precisam tomar medidas de restrição de viagens de forma conjunta para que sejam mais eficazes em conter a disseminação do novo coronavírus Ryan, que falou durante coletiva de imprensa da OMS, disse também que é preciso ficar atento ao risco de a covid-19 voltar a ganhar força em áreas onde a pandemia já está sob controle. “Precisamos agir de forma a minimizar os riscos de transmissão da doença (para essas áreas),” afirmou o dirigente.