Farmácias voltam a apresentar aumento porcentual de casos de covid-19

Foto: Agência Brasil

As farmácias voltaram a apresentar novo aumento porcentual de casos de covid-19 identificados por testes rápidos: entre os dias 18 e 24 de janeiro, foram registrados 22,24% testes positivos, ante média de 18% da semana anterior e 15% no ano passado. Isso representa 37.012 contaminações. Os dados são de levantamento semanal da Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma).

Na semana, 23 Estados e o Distrito Federal tiveram aumento nos resultados positivos. O número de casos segue em ascensão no Amazonas, o primeiro Estado a superar a barreira de 30% de casos positivos, com porcentual de 32,09%.

No Nordeste, Pernambuco viu o índice de confirmações da covid-19 crescer nas últimas seis semanas e tornou-se a líder de contaminações na região, com 24,37% testagens positivas.

Segundo a Abrafarma, o Rio de Janeiro sustenta percentuais acima de 20% desde o início das testagens, e agora registrou 22,95%, enquanto Minas Gerais avançou nos resultados positivos há pelo menos um mês, atingindo 17,76%.

O Rio Grande do Sul, que nos primeiros levantamentos figurava entre os Estados menos atingidos, saiu da casa de 10% e já está com 14,68%.

No acumulado desde 28 de abril, as farmácias realizaram 2,56 milhões de testes, com 409.296 positivos (15,96%).