Guarulhos contará com mais oito escolas estaduais de tempo integral em 2022

A partir de 2022 Guarulhos contará com mais oito escolas estaduais com ensino em período integral. Farão parte as instituições: Pastor e Vereador Antônio Grotkowsky, Deputado Cantidio Sampaio, Professora Maria Celia Falcão Rodrigues, Professor Mario Bombassei Filho, Tomie Ohtake, Alexandre Lopes Oliveira, Professora Maria Hilda Ornelas de Oliveira e Orlando Minella. Atualmente o município já possui 15 unidades estaduais com essa modalidade.

O Governo de São Paulo lançou nesta sexta-feira (15) uma campanha com informações sobre as 2.029 escolas de tempo integral da rede estadual de ensino. A peça de um minuto será veiculada em canais de televisão, redes sociais oficiais, revista, jornal impresso e portais até o dia 28 de outubro.

A nova expansão do Programa de Ensino Integral (PEI) foi anunciada dia 8 de outubro e vai ofertar mais de um milhão de vagas em 457 municípios, a partir de 2022. Das 2.029 escolas, 952 novas unidades passam a integrar a iniciativa a partir do próximo ano letivo.

Atualmente são 1.077 escolas de ensino integral espalhadas em 308 cidades. Em 2022, serão 952 novas escolas de ensino integral em São Paulo, com um total de 457 municípios atendidos.

Criado em 2012, o programa potencializa a melhoria da aprendizagem e o desenvolvimento integral dos estudantes, nas dimensões intelectual, física, socioemocional e cultural, por meio de um modelo pedagógico articulado a um Modelo de Gestão. São trabalhadas práticas pedagógicas, como Tutoria, Nivelamento, Protagonismo Juvenil com Clubes Juvenis e Líderes de Turma, além de componentes curriculares específicos, como Orientação de Estudos e Práticas Experimentais, que potencializam a formação integral do estudante a partir do seu Projeto de Vida.

São dois formatos: 7h e 9h. No primeiro, as escolas oferecem dois turnos – das 7h às 14h e das 14h15 às 21h15. No turno único, as aulas ocorrem entre 7h e 16h.

Os estudantes que já estão na rede pública do Estado de São Paulo e tem interesse em cursar o ensino integral podem solicitar a transferência para as unidades PEI antes do início do ano letivo, entre 3 e 6 de janeiro de 2022, por meio da plataforma SED, pelo perfil do responsável cadastrado, ou em qualquer escola da rede pública.

“Não é sobre ter mais tempo. É mais do que isso”, resume o secretário da Educação do Estado, Rossieli Soares. “É relevante tudo o que o aluno faz neste tempo. Por exemplo, no PEI, o estudante vai ter um professor atuando como tutor individual. Os jovens vão poder falar sobre Projeto de Vida, organização e orientações de estudo e participar de Clubes Juvenis, onde os estudantes, de forma protagonista e autônoma, criam projetos de temas relacionados ao Projeto de Vida. Isso sem falar de ações experimentais para colocar a ‘mão na massa’. Enfim, uma série de oportunidades que fortalecem o vínculo escolar e promovem o desenvolvimento”, resume.

Imagem: Governo do Estado de São Paulo