HOJE TV: ‘O Alcóolicos Anônimos tem um componente sobre-humano em sua formação’

Foto: HOJE TV

O HOJE TV desta terça-feira (9) contou sobre a história da fundação do grupo Alcoólicos Anônimos. O jornalista Maurício Siqueira conversou sobre esse assunto com Mário Sérgio Sobrinho, que é procurador de Justiça e dedica-se ao estudo dos temas: justiça terapêutica e tribunais de drogas.

Sobrinho disse que sempre considera que o grupo Alcóolicos Anônimos tem um componente sobre-humano na sua formação, afinal foram dois alcoólicos, Bob e Bill, que deram início ao tratamento. “Bill trabalhava como operador da Bolsa de Valores de Nova York. Ele passou por um período de alcoolismo muito intenso, com perdas fortíssimas em sua vida e acabou entrando em recuperação já num estágio avançado do alcoolismo. Em uma das buscas de se manter sóbrio, numa viagem a trabalho tentando evitar o primeiro gole, ele foi em busca de alguém com quem pudesse conversar, no caso um outro alcoólico”, explica o procurador.

“Foi indicado a ele um médico chamado Bob, também alcoólico. Os dois tinham uma programação de conversa breve, talvez uns 15 ou 20 minutos, afinal o Bob não queria receber Bill, mas acabou recebendo e conversaram por mais de cinco horas. Essa é a história que a literatura de Alcoólicos Anônimos conta”, completou Sobrinho.

De acordo com ele, a história indica que essa reunião, que imagina ser ocasional, foi algo muito superior. Afinal, eles sentiram que um alcoólico conversando com o outro é capaz de se colocar numa condição de maior tranquilidade, podendo evitar o primeiro gole.

“A partir dessa conversa em Akron – cidade em Ohio, nos Estados Unidos em meados de 1934, surgiu o embrião da colocação de dois alcoólicos que não eram profissionais da saúde, não eram terapeutas, mas que eram pessoas normais buscando recuperação e se uniram. Partindo das intensificações das conversas, a ação de se reunir foi levada para outras pessoas, estabelecendo uma irmandade entre elas”, completou o procurador.

O programa vai ao ar de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 9h, e pode ser acessado no Facebook (guarulhoshoje), YouTube (HOJE TV) ou pelo site www.guarulhoshoje.com.br.