Implantação de ciclovias em 2019 deve custar R$ 400 mil ao governo

A Prefeitura de Guarulhos pretende investir no próximo ano cerca de R$ 400 mil para implantação de ciclovias na cidade. A informação é do secretário de Transportes e Trânsito (STT), Giuliano Locanto, durante audiência pública da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) realizada na segunda-feira (11). Ele afirmou que os trechos destinados para circulação de bicicletas estará implementado no percurso dos corredores de ônibus.

Apesar da iniciativa inédita, não existe qualquer data para início das obras. Locanto afirmou que as primeiras ciclovias serão criadas nas avenidas Juscelino Kubtischek de Oliveira, que liga as regiões do Bonsucesso e Pimentas, Papa João Paulo I, na região do Jardim Presidente Dutra, Monteiro Lobato, no bairro Macedo, e Santos Dumont, em Cumbica. Em todas estas vias existem projetos para implantação de corredores de ônibus.

“Todos os nossos corredores de ônibus como o corredor JK [Juscelino Kubtischek de Oliveira], Papa João Paulo [I], Monteiro Lobato e Santos Dumont, todos eles contem ciclovias junto”, explicou.

O município conta atualmente com a ciclofaixa na avenida Paulo Faccini, localizada na região do Bosque Maia. Ela foi inaugurada em dezembro de 2011 e na época ofertava aos ciclistas e demais usuários cerca de 7 quilômetros de extensão.

Atualmente, o percurso disponibilizado é de pouco mais de 2 quilômetros. Segundo a prefeitura, a crise econômica que atravessa o município não permite a manutenção do sistema.

Antônio Boaventura

[email protected]