Construtora promete entregar nova sede da Câmara no mês de outubro

Antônio Boaventura

[email protected]

Diferente daquilo que a direção da Câmara Municipal tem como prazo para entrega de sua nova sede, na Vila Augusta, a VPP Engenharia, sediada na cidade de Barueri, prometeu concluir a obra em nove meses e não em 11. De acordo Bassim Trabulse, dirigente da construtora, os trabalhos no prédio da antiga Fábrica de Tapetes Lourdes terão início nesta segunda-feira (13).

O imóvel foi adquirido pelo Legislativo, em 2011, por R$ 14 milhões. Para concluir o projeto estabelecido para abrigar a nova sede da Casa de Leis, a VPP Engenharia irá receber R$ 12 milhões.

O terreno foi preparado pela Proguaru, na primeira fase do empreendimento. O projeto prevê dois prédios principais de três andares, um prioritariamente legislativo e o outro, administrativo. No primeiro, a nova Casa oferecerá maior conforto para os vereadores e seus assessores.

A Câmara reservou R$ 8 milhões para a implantação de uma área exclusiva aos 34 vereadores. Com esta nova implementação no projeto, o custo total da nova estrutura pode alcançar o montante de R$ 36 milhões – estes estão distribuídos entre aquisição (R$ 14 milhões), gastos com obras (R$ 14 milhões) e a segunda fase da obra (R$ 8 milhões).

Atualmente, a Câmara Municipal dispõem anualmente de seu orçamento a quantia de R$ 3,7 milhões para custeio do aluguel dos dois prédios que abrigam suas instalações. São cerca de R$ 720 mil para pagamento do plenário e outros R$ 3 milhões para a infraestrutura que aloca os setores administrativos.