Apagebask conta com apoio da iniciativa privada para os desafios desta temporada

Da Redação
[email protected]

Reconhecida pela formação de atletas ao longo dos últimos anos, a Apagebask, equipe de basquete sediada no município de Guarulhos (SP), conta com o apoio da iniciativa privada para manter suas atividades neste ano de 2021. De acordo com aquela agremiação guarulhense, suas equipes masculina e feminina estarão envolvidas em pelo menos 14 competições ao longo desta temporada. Contudo, o clube não revelou a quantia suficiente para o custeio de suas despesas.

“Nós, da Apagebask, estamos buscando patrocínios para continuar com nosso trabalho de base, e consequentemente promover através do esporte uma educação mais presenta na vida de cada vez mais crianças e adolescentes. Já ajudamos muitas pessoas nessa nossa caminhada, e a maior parte de nossas arrecadações sempre veio de nossos bolsos”, explicou Aline Vasconcelos, gestora dos perfis da Apagebask na rede social.

Nesta temporada, a Apagebask entra em quadra por pelo menos 14 competições nas modalidades masculina e feminina. A participação se dará nas categorias masculina Sub-17 e Sub-17, em torneios da Federação Paulista de Basquete, Copa São Paulo com a equipe feminina Sub-20, Liga Paulista com os times Sub-13, Sub-16, Sub-21 e Adulto masculino, além da possibilidade de disputa na categoria feminino Sub-13 e Sub-15, e o Sul-Americano.

“Para continuar esse trabalho e, tomara, expandi-lo, precisamos de apoio financeiro. Os custos que envolve os campeonatos, manutenções, entre outros, são altos. Só com essa ajuda podemos continuar nossa caminhada”, encerrou.

Ao longo dos últimos anos, a Apagebask se notabilizou por revelar atletas, em especial, no feminino, como as atletas Sara Carvalho e Isadora Alves, que chegaram a vestir a camisa da Seleção Brasileira de basquete no ano de 2014. Atualmente, a equipe fundada em 1993 pela ex-atleta Vilma Bernardes se mantém com doações dos pais dos jogadores.