Eniac apresenta ‘Ensino Médio Para Todos’ a lideranças de movimentos jovens e reforça importância da educação para o mercado de trabalho

Foto: Divulgação/Eniac

O Eniac, instituição referência em inovação e tecnologia do ensino básico ao superior, reuniu mais de 50 membros de instituições de movimentos que envolvem o público jovem de Guarulhos no último sábado (15), para apresentar o programa “Ensino Médio para Todos”. A ideia é que estes representantes apresentem em suas comunidades a oportunidade gratuita e acelerada de conclusão dos estudos a jovens com mais de 18 anos. As inscrições já estão abertas.

A pandemia afastou muitos jovens da escola e isso pode ter impacto em toda sua trajetória profissional. “Especialmente na população de baixa renda, a evasão escolar foi altíssima. Esses jovens precisam concluir o Ensino Médio para que outras portas se abram, seja na educação com o curso superior ou no mercado de trabalho. Tudo mudou, mas os empregadores seguem escolhendo os mais qualificados”, explica o mantenedor do Eniac, professor Ruy Guérios.

O objetivo do projeto é permitir com que alunos que já atingiram a maioridade concluam gratuitamente o Ensino Médio. O público-alvo são moradores de Guarulhos e região, já que as aulas são disponibilizadas no formato híbrido, com atividades presenciais e online. A estrutura oferecida é a de Educação de Jovens e Adultos (EJA) do Eniac, acrescida da já reconhecida excelência presente na capacitação técnica e tecnológica da instituição.

O programa é totalmente gratuito, ou seja, os alunos não pagam mensalidade ou material didático. É uma iniciativa do Innovation (braço social do Eniac), que também oferece parcerias com empresas sintonizadas com projetos de impacto social, como a construtora Vegus e o Grupo Ritacco. Ambas já aderiram ao programa e estão apoiando a formação de 150 alunos. “Importante salientar que as empresas que aderem ao programa acompanham a evolução dos alunos e usam as informações como indicadores mensais de suas ações ESG. Os alunos de destaque evidenciarão o impacto do programa”, afirma o professor Ruy.

No projeto “Ensino Médio para Todos”, cada ano do Ensino Médio poderá ser concluído em apenas seis meses. Ou seja, se o aluno finalizou os dois primeiros anos e tem pendente apenas o terceiro ano, poderá ter seu certificado de conclusão até o meio de 2022.

Integração

No evento da última semana, além dos representantes de movimentos da juventude, esteve presente o secretário municipal de Gestão, Adam Kubo, ex-professor do Eniac. Adam representou o prefeito Guti e disse que pode desenvolver o papel de integrar sua pasta e outras secretarias que tenham aderência ao “Ensino Médio para Todos”.

Para reforçar as oportunidades que a educação oferece no mundo do trabalho, o Eniac trouxe uma palestra de Dennis Nakamura, especialista em inovação, negócios digitais e tecnologia com atuação dentro e fora do Brasil. “Tanto para quem quer construir uma carreira no mundo corporativo, quanto para quem quer empreender, é essencial concluir os estudos especialmente em uma economia globalizada e cada vez mais competitiva”, reforçou Nakamura, que fez sua apresentação de forma remota.

Presente no evento, a empresária Márcia Sanches, da Inter Estágios, ofereceu 120 vagas de estágio para alunos que estiverem cursando o “Ensino Médio para Todos” no Eniac.

Também participaram do encontro: Clube de Mães Novo Recreio, Associação Chico Mendes, Instituto Javé, Associação Nova Conquista Unidos Somos Mais Fortes, Grupo Pão Nosso, Instituição Gabi, Assembleia de Deus, Isto Tudo por um Sorriso e Ong Complexo Parque da Seringueira, entre outras.

Serviço

Ensino Médio para Todos

Informações e inscrições: LINK

Ou presencialmente no Eniac – Rua Força Pública, 89 – Centro, Guarulhos

- PUBLICIDADE -