Menino que fugiu em avião para Guarulhos queria piscina e conforto

Foto: Olivia Villegas

Um menino de nove anos entrou escondido em um avião da Latam neste sábado (26), e percorreu desacompanhado o trajeto de Manaus, capital do Amazonas, até o Aeroporto Internacional de Guarulhos. Ele afirmou à polícia que queria morar com a tia em Campinas (96 km da capital paulista) para e ter uma vida mais confortável. Segundo o depoimento, ele queria ter acesso a piscina e restaurantes.

A companhia aérea só teria percebido que a criança estava sem os pais ou responsáveis quando o avião já havia alçado voo. O menino foi reconduzido para a cidade onde mora após o ocorrido e o caso está sendo investigado.

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) informou ter tomado conhecimento do caso do menino de 9 anos, que foi encontrado no Aeroporto Internacional de Guarulhos após ter desaparecido de casa, com o contato da Latam, responsável pelo voo.

Segundo a polícia, após perceber que se tratava de um menor desacompanhado, a companhia aérea o enviou de volta para Manaus. A criança foi ouvida pela PC-AM e as câmeras de segurança do aeroporto, solicitadas. A família também foi ouvida, e a criança encontra-se sob a tutela dos pais.

“A investigação constatou que a criança agiu sem a ajuda de adultos, e, antes de partir, realizou pesquisas na internet de como entrar em um avião despercebida”, informou a polícia. “Segundo a unidade especializada, a criança não tem histórico de violência familiar e, durante oitivas, a mesma informou que o motivo da viagem seria o desejo de morar em São Paulo, com outros familiares.”

Em nota, a Latam Brasil informou que um menor foi identificado no voo LA3168 (Manaus-São Paulo/Guarulhos), que desembarcou às 21h09 em Guarulhos. A empresa acrescentou ter acionado a Polícia Federal e o Conselho Tutelar, que o encaminhou para um abrigo para aguardar os trâmites necessários para a recondução da criança para Manaus.

O menor reembarcou no voo LA3008 (São Paulo/Guarulhos-Manaus) deste domingo, 27, e desembarcou na capital do Amazonas às 11h45, sendo recepcionado pelas autoridades locais. A Latam informou que está apurando o ocorrido.

- PUBLICIDADE -