Dia de Combate ao Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes tem mobilização

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, nesta terça-feira (18), foi marcado em Guarulhos pela distribuição de 1.500 kits (panfleto informativo com telefones para denúncias, duas máscaras de tecido e álcool em gel) à população. A ação da Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, se concentrou no Terminal de Ônibus Pimentas, na praça Oito de Dezembro (Taboão) e no calçadão da rua Dom Pedro II (Centro).

O prefeito Guti destacou a finalidade da ação no município. “O combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes é uma das principais diretrizes de nosso governo e envolve todas as pastas de forma integrada. Ações de conscientização, como essas realizadas nesta data, são feitas pela Prefeitura de forma rotineira e descentralizada, atingindo diversos bairros com o objetivo de disseminar informação sobre as instâncias a serem acionadas nesses casos, visando à acolhida e à proteção às vítimas e à punição aos agressores”, afirmou o prefeito.

Já a promotora de Justiça Natalie Riskalla Anchite falou da importância da prevenção da violência e do atendimento aos que se encontram nessa situação. “O dia 18 de maio é emblemático para a luta no combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. Mas mais do que comemorar uma data, precisamos que atitudes sejam tomadas. É por isso que o Ministério Público de São Paulo vem trabalhando junto com toda a rede protetiva de Guarulhos para a implementação do programa de atendimento a crianças e adolescentes vítimas de violência, visando a garantir atendimento integral e intersetorial a jovens em situação de violência. Precisamos agir para prevenir as violações de direitos e para reduzir os danos causados pelas violações já ocorridas. Somos todos responsáveis pelas nossas crianças e adolescentes”, disse Natalie.

A atuação da pasta, em especial a dos Centros de Referência Especializados em Assistência Social (Creas), foi ressaltada pelo secretário Alex Viterale. “Este dia, celebrado nacionalmente, é de fundamental importância para que a sociedade tenha clareza sobre a gravidade do abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes, infelizmente ainda muito comum no país. Em Guarulhos, por meio de seus serviços e equipamentos públicos, em especial os Creas, a secretaria tem trabalhado incansavelmente para fortalecer cada vez mais a rede de proteção às crianças e adolescentes em situação de risco ou violência, com acolhimento e atendimento especializado para que seus direitos sejam garantidos e respeitados, e para que casos assim não voltem a ocorrer em nossa cidade”, disse Viterale, titular da Pasta de Desenvolvimento e Assistência Social, agradecendo ainda todos os profissionais do setor e conselheiros tutelares de Guarulhos.

“O Conselho Tutelar é a porta de entrada da rede de proteção da criança e do adolescente, portanto como um dos conselheiros tutelares da cidade não podemos ficar alheios a essas violências. É nossa prerrogativa a prevenção, a conscientização e o combate ao abuso e exploração sexual de nossos jovens”, disse a conselheira tutelar da região Pimentas Sonidelane Cristina Mesquita, representando todos os conselheiros do município.

A população pode ajudar denunciando casos em um dos seis Conselhos Tutelares (https://www.guarulhos.sp.gov.br/conselhos-tutelares-0), pelo Disque-Denúncia Nacional (100), por meio da Polícia Militar (190), da Polícia Federal (194) e da Polícia Rodoviária Federal (191).