Soldado da Base Aérea de Guarulhos morre afogado ao tentar salvar adolescentes no litoral de SP

Um soldado da Força Aérea Brasileira morreu nesta sexta-feira (4) ao tentar salvar dois adolescentes que se afogavam no mar em Guarujá, no litoral de São Paulo. Um dos adolescentes, de 13 anos, foi resgatado com vida. O outro adolescente, de 12 anos, segue desaparecido.

O soldado Mateus da Silva Santos, de 22 anos, atuava na Base Aérea de São Paulo e estava com um grupo de amigos passando o dia no litoral. Eles estavam na praia do Guaiúba quando viram dois adolescentes e uma mulher se afogando no mar.

Então, Mateus correu para ajudá-los, mesmo sem saber nadar. A mulher conseguiu voltar ao raso sozinha, enquanto o soldado puxou um dos adolescentes para uma área segura. No entanto, ele não conseguiu resgatar o segundo adolescente e se afogou, arrastado pela correnteza.

Ele foi tirado do mar já inconsciente por salva-vidas, acionados pelos banhistas. Na faixa de areia, ele foi socorrido pelo Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar) e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Rodoviária em parada cardiorrespiratória, mas não resistiu e morreu ainda durante a tarde.

O adolescente que foi resgatado pelo soldado, de 13 anos, foi encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), onde recebeu os primeiros socorros e liberado em seguida. Enquanto isso, o outro adolescente segue desaparecido no mar. O GBmar prossegue realizando buscas pelo garoto, com três embarcações pela região da praia do Guaiúba.