City define proposta de R$ 1,7 milhão por mês para Gabriel Jesus

O Manchester City definiu o aumento que está disposto a oferecer a Gabriel Jesus. O clube estipulou a proposta do novo salário em R$ 1,7 milhão por mês, o que representa 40% a mais do que os atuais vencimentos de R$ 1,2 milhão.
Como o UOL Esporte revelou na última quarta-feira (8), o City já havia comunicado o jogador e seu estafe sobre o desejo de valorizá-lo depois do começo arrasador do atacante do Brasil na Inglaterra.
Nesta quarta (8), um dos representantes de Gabriel esteve no City Football Academy, centro de treinamento do time, mesmo com o pupilo de Pep Guardiola a serviço da seleção brasileira na França. A equipe comandada por Tite enfrentará o Japão em amistoso nesta sexta (10). Na próxima terça (14), o adversário será a Inglaterra, em Wembley.
Como Jesus se mostra totalmente adaptado a Manchester e empolgado com o aprendizado diário com Pep Guardiola, a diretoria do City confia em desfecho rápido das negociações.
As cifras que o clube pretende pagar mensalmente pelo centroavante chamam a atenção. No entanto, é evidente o longo caminho que a revelação do Palmeiras tem de percorrer para se equiparar aos astros consagrados do Campeonato Inglês. Atleta mais bem pago do City, o argentino Sergio Agüero recebe R$ 4,1 milhões por mês. No Liverpool, o dono do maior salário é Philippe Coutinho, na faixa dos R$ 2,5 milhões.
Com contrato até 2021, Gabriel Jesus desembarcou no estádio Etihad em janeiro deste ano e soma 16 gols em 27 jogos. O Manchester City é líder isolado da Premier League após 11 rodadas e já está classificado para as oitavas de final da Liga dos Campeões.

(Folhapress)
Foto: Reprodução/ESPN