Antônio Boaventura

antonio.boaventura@guarulhoshoje.com.br

Tanto parlamentares da situação quanto da oposição aventam a possibilidade de implantar uma força tarefa para evitar que sessões parlamentares possam ser encerradas por número insuficiente de vereadores no plenário. Nesta terça-feira (19), o vereador Professor Jesus (sem partido) colocou um ponto final nos trabalhos por volta das 14h04.

“Não ter a sessão não é uma coisa boa, principalmente para a imagem do Legislativo com a sociedade. Acho que a gente deveria fazer uma força tarefa com todos os vereadores, até por que muitas vezes, por outros compromissos, os vereadores estão chegando ao plenário entre 14h10, 14h15”, disse o líder do governo. vereador Eduardo Carneiro (PSB).

Esta foi a primeira sessão parlamentar encerrada por falta de quórum no segundo mandato de Jesus á frente da presidência da Casa de Leis. Carneiro entende que a melhor alternativa é estabelecer um horário fixo próximo do inicio das sessões.

“As lideranças da situação e da oposição poderiam se reunir para que possamos estabelecer um horário antes da sessão, por volta das 13h45, para estarmos todos aqui. E dessa forma poderia evitar este tipo de situação. De alguma esse atual modelo de uma forma ou de outro ele desgasta”, explicou.

O vereador Edmilson Souza (PT) ressalta que estes casos específicos podem trazer prejuízos para a imagem da Câmara Municipal. O mesmo também aponta que é preciso rever alguns conceitos quanto às atribuições que o vereador executa como atendimento em gabinetes, vistorias e participações em comissões parlamentares antes da tomada de decisão pelo encerramento dos trabalhos em plenário.

“Acho que é ruim para a Casa por que temos encontros duas vezes por semana. Para a sociedade fica um negócio muito estranho e fica parecendo que trabalhamos apenas ás terças e quintas, e isso não é verdade, já que os vereadores têm outras atribuições. Derrubar as sessões acho muito precipitado”, concluiu.

Foto: Ivanildo Porto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here