Guarulhos fiscaliza estabelecimentos comerciais no primeiro final de semana de flexibilização

Foto: Márcio Lino/PMG

A Prefeitura de Guarulhos realizou ações fiscalizatórias em mais de 200 estabelecimentos de várias regiões da cidade neste último fim de semana, por conta da flexibilização das atividades comerciais iniciada na última sexta-feira. 

Na sexta e no sábado (dias 12 e 13) as equipes da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU) visitaram estabelecimentos no Centro, Jardim São João, Taboão, Jardim Fortaleza, Vila Fátima, Jardim Paraíso, Conjunto Residencial Haroldo Veloso, Vila Galvão e Cocaia e constataram que cerca de 70 desses locais cumpriam as regras determinadas pelo decreto a fim de diminuir a possibilidade de contaminação pelo coronavírus. 

Os locais que não cumpriam as diretrizes estabelecidas pela Prefeitura de Guarulhos, em sua maioria, desrespeitaram as questões relativas ao controle de acesso para diminuir o número de pessoas dentro do espaço e o horário de funcionamento. Deles, oito foram notificados e quatro autuados. 

Além disso, o departamento de fiscalização também acompanhou o funcionamento dos shoppings Parque Maia, Poli e Internacional, que estavam seguindo as novas orientações de funcionamento, como horário diferenciado e aferição corporal dos clientes. 

Todos os estabelecimentos autorizados a funcionar devem intensificar suas ações de limpeza, disponibilizar álcool em gel 70% aos clientes e colaboradores; realizar aferição de temperatura corporal (em estabelecimentos com mais de 100 metros quadrados) em todos os consumidores e funcionários por meio de termômetro infravermelho digital; evitar aglomerações limitando o atendimento a uma pessoa a cada 2 m² de área; garantir que todos estejam utilizando máscaras de proteção; promover a demarcação no solo nos espaços destinados às filas, inclusive do lado de fora dos estabelecimentos, entre outras exigências que constam do decreto 36.900/2020, publicado em 3 de junho.

Antecipação de fases

Após avaliar com muito critério e segurança a situação da pandemia do coronavírus em Guarulhos, a Prefeitura antecipou na última semana as datas previstas para a segunda e terceira fases da retomada das atividades econômicas na cidade, que tiveram início na última sexta-feira, dia 12.

O principal argumento para esta decisão foi o aumento do número de leitos de UTI para o tratamento do Covid-19, provenientes do aluguel em hospitais particulares e da expansão do Centro de Combate ao Coronavírus (3C-Gru), no Parque Cecap. No entanto, a Prefeitura alerta para que a população respeite todas as regras estabelecidas para este momento atípico, principalmente procurar sair de casa somente se for extremamente necessário, uma vez que o isolamento social continua sendo a principal proteção contra a doença.