Sindicato ameaça greve de ônibus em Guarulhos caso trabalhadores não sejam incluídos em vacinação

Guarulhos poderá ter greve de ônibus nesta terça-feira (20) caso os trabalhadores do setor não sejam incluídos em grupo prioritário da vacinação contra a covid-19. A informação foi divulgada através de nota do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários no Transporte de Passageiros, Urbano, Suburbano, Metropolitano, Intermunicipal e Cargas Próprias de Guarulhos e Arujá em São Paulo (Sincoverg).

“Os profissionais estão entre os mais expostos ao vírus em suas atividades profissionais, atuam na linha de frente da covid e não pararam suas atividades um só momento durante toda a pandemia. Os trabalhadores do setor enfrentam altos índices de contaminação pelo vírus, além de se tornarem possíveis vetores do vírus. Por isso, a inclusão da categoria como prioritária na vacinação seria uma medida importante para conter a disseminação da doença, que atingiu seu momento mais letal no Brasil”, afirmou a nota.

Ainda de acordo com o sindicato, a greve sanitária compreenderá todos os setores de transporte público do Estado, e será realizada no período de pelo menos 24 horas, caso não haja uma resposta do Governo do Estado à reivindicação da categoria.