Mutirão do projeto Estagiando em Guarulhos encaminha 523 jovens para entrevistas de emprego

Imagem: Sidnei Barros/PMG

A 7ª edição do Estagiando – o mutirão de estágios remunerados para jovens promovido pela Prefeitura de Guarulhos – disponibilizou mais de 1.300 vagas em diversas áreas e resultou no encaminhamento de 523 munícipes, entre 16 e 29 anos, para entrevistas em empresas. Ao todo 757 estudantes do ensino superior, técnico e médio participaram da ação, que ocorreu nesta quinta-feira (21) na Universidade Cruzeiro do Sul, no Centro.

O subsecretário da Juventude, Cesar Sousa, lembrou que o mutirão pode determinar o rumo na vida dos estudantes. “É uma conquista reunir tantos jovens aqui que buscam uma vaga de estágio. Encarem isso como uma oportunidade muito séria, pois hoje pode ser que venha a ser definida a carreira profissional de muitos de vocês. Fiquem atentos a todas as orientações que receberem aqui”, disse.

A importância da parceria com a municipalidade foi abordada pela supervisora regional do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), Simone Lopes. “O mutirão de estágios é imprescindível, principalmente após a pandemia, pois temos muitas oportunidades e poucos candidatos. Com a parceria do Estagiando é possível ampliar o número de jovens e expandir os encaminhamentos ao mundo do trabalho”, explicou.

Já o coordenador comercial da Universidade Cruzeiro do Sul, Eduardo Munhoz, enfatizou o papel da instituição. “Para nós esta é uma oportunidade sensacional, pois conectamos três grandes parceiros (administração municipal, empresa e universidade) para dar oportunidade aos jovens de acesso ao mercado de trabalho. A nossa parceria visa a mostrar que chegamos ao município e estamos de portas abertas para nos integrarmos e colaborarmos com a sociedade”, disse.

Encaminhados para entrevistas

Entre os participantes cujos perfis se enquadraram nas vagas estava a jovem de 16 anos Letícia Pontes, que cursa o segundo ano do ensino médio e participou do Estagiando pela primeira vez. “O processo aqui é muito organizado e explicam bem sobre a vaga. Fui encaminhada para uma entrevista na área administrativa de uma empresa. Estou confiante que vou ser contratada. Desde janeiro estou desempregada e preciso ajudar em casa porque as contas e o mercado estão caros”, revelou a jovem, que vive no Jardim Cumbica com a mãe e dois irmãos.

Já o estudante do segundo semestre de design gráfico Vitor Henrique Carvalho, de 19 anos, deixou Pindamonhangaba e veio morar com a tia no Jardim Flor da Montanha para cursar universidade. “Nunca trabalhei e consegui hoje um encaminhamento para entrevista de estágio. Quero começar a ganhar meu próprio dinheiro para ter liberdade e construir minha vida profissional e financeira”, afirmou o jovem.

A iniciativa da Subsecretaria da Juventude, integrante da Secretaria de Direitos Humanos de Guarulhos, contou com as parcerias do CIEE e da Universidade Cruzeiro do Sul.

- PUBLICIDADE -